Páginas

"Todos os argumentos que provam a superioridade humana não eliminam este fato:
no sofrimento os animais são semelhantes a nós."
Peter Singer - Filósofo e professor de bioética na Universidade de Princeton, autor de Libertação Animal (1975)

Pesquisar este blog

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Começar a semana pensando...

...sobre enfeites e decoração bizarra com partes de animais.

“Diversos itens feitos de madeira e animais ameaçados foram confiscados pela alfândega francesa, nas últimas semanas, no Aeroporto Internacional Charles-de-Gaulle, em Roissy, arredores de Paris.

Urso polar empalhado
Foto: Mehdi Fedouach/AFP

Estátuas feitas de madeiras classificadas ameaçadas na Convenção de Washington, tapetes feitos com pele de pumas e ursos polares além de alguns animais empalhados estão entre os itens encontrados.” – texto da matéria “Itens de espécies ameaçadas são confiscados”, publicada em 5 de abril de 2012 pelo site band.com.br (Grupo Bandeirantes)

Tapetes de urso polar e puma
Foto: Mehdi Fedouach/AFP

Esse tipo de mercado é muito comum. Talvez não com ursos polares e pumas, mas está presente no nosso cotidiano. Nas cidades litorâneas é muito comum encontrar pedaços de coral, conchas, estrelas-do-mar secas, piranhas secas e outras tantas peças de “decoração” nas lojinhas de artesanato.

Brasil: peles apreendidas em julho de 2010 pela Polícia Federal
Foto: Divulgação Polícia Federal

Para o interior do país, as peles de felinos como onças e jaguatiricas também tem valor comercial. Não olhemos a notícia da França com ar de estranhamento e distância. Olhemos também nossa realidade e, principalmente, não devemos comprar tais produtos.

Se não houver demanda, não há captura de animais.

- Leia a matéria do site band.com.br

Nenhum comentário: