Páginas

"Todos os argumentos que provam a superioridade humana não eliminam este fato:
no sofrimento os animais são semelhantes a nós."
Peter Singer - Filósofo e professor de bioética na Universidade de Princeton, autor de Libertação Animal (1975)

Pesquisar este blog

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Na Bahia novamente: agora o destino era Vitória da Conquista

Ontem (28 de maio de 2013), o Fauna News publicou "Apreender na origem aumenta a chance de soltura" e comentou sobre a apreensão de 146 aves em Poções (BA). O sujeito que foi flagrado com os animais afirmou que os levaria para serem comercializados em São Paulo. Mas o Nordeste, bom como o Norte e o Centro-oeste, não é simplesmente uma região “exportadora” de animais silvestres para o restante do país. Nele existe um intenso comércio clandestino de fauna que encontra em feiras e nos chamados “depósitos” (residências que abrigam e vendem os bichos) espalhados pelos grandes centros urbanos e nas pequenas cidades.

Vitória da Conquista é um famoso centro de comércio e distribuição ilegais de animais silvestres.

“Antônio Lima dos Santos, de 47 anos de idade, foi preso por volta das 16h30 desta sexta-feira (24), no Terminal Rodoviário de Itamaraju, acusado de tráfico de animais silvestres.

Pássaros apreendidos em Itamaraju
Foto: Itamaraju Notícias

De acordo com informações da Polícia Militar, o acusado foi abordado por uma guarnição da 43ª CIPM, após uma denúncia efetuada para a Central de atendimento que um homem portava em sua bagagem animais silvestres. Com ele a policia encontrou 21 pássaros silvestres (20 canários e 1 colera).

Antônio pretendia levar as aves para Vitória da Conquista
Foto: Itamaraju Notícias

O acusado informou que os animais seriam comercializados em Vitória da Conquista. (...)”
– texto da matéria “Itamaraju: Homem é preso por tráfico de animais silvestres”, publicada em 24 de maio de 2013 pelo site Itamaraju Notícias

A repressão ao tráfico de fauna seria mais eficiente se fosse intensamente realizada próxima das áreas de captura e distribuição dos animais. Além de desestimular a ação nos primeiros elos da corrente do comércio ilegal, reduziria os maus tratos aos bichos e aumentaria bastante a chance da devolução dos animais silvestres aos seus ecossistemas de origem.

- Leia a matéria completa do Itamaraju Notícias
- Releia "Apreender na origem aumenta a chance de soltura", publicado pelo Fauna News em 28 de maio de 2013

Nenhum comentário: