Páginas

"Todos os argumentos que provam a superioridade humana não eliminam este fato:
no sofrimento os animais são semelhantes a nós."
Peter Singer - Filósofo e professor de bioética na Universidade de Princeton, autor de Libertação Animal (1975)

Pesquisar este blog

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Jacaré em cativeiro doméstico?

“No dia 16 de outubro, no município de General Salgado-SP, Policiais Militares Ambientais flagraram um cidadão que mantinha em cativeiro, um filhote de jacaré-do-papo-amarelo e dois animais taxidermizados, sendo um jacaré-do-papo-amarelo e uma jaguatirica.

 Filhote de jacaré apreendido
Foto: Divulgação PM Ambiental SP

O infrator foi conduzido ao Distrito Policial da região, onde o delegado elaborou Boletim de Ocorrência para apuração do crime ambiental apreendendo os animais taxidermizados.”
– texto do post “Polícia Militar ambiental resgata jacaré que era mantido em cativeiro”, publicado em 21 de outubro de 2013 na página da Polícia Militar Ambiental do Estado de São Paulo no Facebook

Animais empalhados encontrados pelos policiais
Foto: Divulgação PM Ambiental SP

O que será que o sujeito surpreendido pela Polícia Militar Ambiental faria com o jacaré? Criá-lo como bicho de estimação ou empalhá-lo?

Encontrar jacarés em cativeiro ilegal não é muito comum. Mas há quem tente...

“Um jacaré-do-papo amarelo foi resgatado em condições de maus-tratos na manhã desta sexta-feira (23) no bairro Treze de Maio, em João Pessoa. De acordo com o tenente-coronel Paulo Sérgio, comandante do Batalhão de Policiamento Ambiental, o animal, que tem cerca de 1,2 metro, estava sendo usado pelos moradores da residência como “um cachorro”, sendo puxado por cordas e exibido a toda vizinhança.” – texto reproduzido no post “Na Paraíba, humilhação e maus tratos a jacaré em cativeiro”, publicado em 27 de agosto de 2013 pelo Fauna News

- Leia o post da PM Ambiental no Facebook
- Releia o post do Fauna News “Na Paraíba, humilhação e maus tratos a jacaré em cativeiro”, publicado em  27 de agosto de 2013

Nenhum comentário: