Páginas

"Todos os argumentos que provam a superioridade humana não eliminam este fato:
no sofrimento os animais são semelhantes a nós."
Peter Singer - Filósofo e professor de bioética na Universidade de Princeton, autor de Libertação Animal (1975)

Pesquisar este blog

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Onça atropelada... em um rio

Além de abordar o tráfico de animais silvestres, o Fauna News também comenta e discute notícias sobre os impactos que rodovias e estradas causam na fauna silvestre. E o problema mais evidente é o atropelamento, que no Brasil mata cerca de 475 milhões de bichos por ano (dado do Centro Brasileiro de Estudos em Ecologia de Estradas).

Mas a fauna não é vitima dos veículos apenas nas estradas. Nos rios e mares ocorrem atropelamentos por embarcações. Na Amazônia, peixes-bois são bastante impactados. No mar, as baleias... Um tanto incomum é encontrar casos envolvendo embarcações e animais terrestres.

“A Polícia Militar Ambiental (PMA) resgatou, na tarde de segunda-feira (7), uma onça-pintada às margens do rio Miranda, na região do Passo da Lontra, entre as cidades de Miranda e Corumbá, no Pantanal de Mato Grosso do Sul. Segundo os policiais, o animal estava com ferimentos nas patas traseiras e com dificuldades de locomoção.

Onça-pintada durante resgate
Foto: Divulgação Polícia Militar Ambiental MS

(...)O animal foi encaminhado para o Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), em Campo Grande, na manhã desta terça-feira (8). Ainda segundo a PMA, a suspeita é que o felino tenha sido atropelado por uma embarcação.” – texto da matéria “Polícia resgata onça-pintada ferida às margens de rio em MS”, publicada em 8 de outubro de 2013 pelo portal G1

Será que tem como evitar esse tipo de acidente? Quando se aborda atropelamentos em estradas e rodovias, pode-se trabalhar com planejamento de traçados, sinalização, passagens de fauna, cercas, campanhas de conscientização e várias outras ferramentas. Mas e nos rios e oceanos?

- Leia a matéria completa do portal G1

Nenhum comentário: