Páginas

"Todos os argumentos que provam a superioridade humana não eliminam este fato:
no sofrimento os animais são semelhantes a nós."
Peter Singer - Filósofo e professor de bioética na Universidade de Princeton, autor de Libertação Animal (1975)

Pesquisar este blog

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Deu sorte e só perdeu uma orelha

Estimativa do Centro Brasileiro de Estudos em Ecologia de Estradas (CBEE) indica que cerca de 475 milhões de animais morrem nas estradas e rodovias brasileiras todos os anos. Boa parte das vítimas são bichos de pequeno porte, como anfíbios, répteis e aves. Mas são os mamíferos de grande porte que chamam a atenção para o problema.

“Uma anta atropelada e sem uma das orelhas foi resgata na manhã desta quarta-feira (27), em uma mata às margens de uma estrada vicinal, a 13 km da rodovia que liga Brasilândia a Três Lagoas, próximo ao rio Verde.

Animal perdeu a orelha esquerda
Foto: Divulgação PMA/MS

Após denúncias, principalmente de caminhoneiros que frequentemente passavam pela região, a Polícia Militar Ambiental passou a fazer buscas próximo a Brasilândia para encontrar o animal. Isso ocorreu durante uma semana.”
– texto da matéria “Anta machucada é resgatada em estrada vicinal pela PMA”, publicada em 28 de novembro de 2013 pelo site Bonito Notícias (MS)

A anta deu sorte e, aparentemente, perdeu apenas uma das orelhas. Inúmeros são os casos em que esses animais são atingidos por veículos e morrem. Afinal, um anta pode chegar a pesar 300 quilos, o que deixa o impacto bastante forte.

- Leia a matéria completa do Bonito Notícias

Nenhum comentário: