Páginas

"Todos os argumentos que provam a superioridade humana não eliminam este fato:
no sofrimento os animais são semelhantes a nós."
Peter Singer - Filósofo e professor de bioética na Universidade de Princeton, autor de Libertação Animal (1975)

Pesquisar este blog

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Começar a semana pensando...


...no tráfico de fauna, o terrorismo e a guerrilha. Dor e morte financiando dor e morte.

“Muitas redes de criminosos estão tendo lucros fenomenais com a exploração ilegal dos recursos naturais. É uma máquina de financiamento de atividades ilícitas".

Achim Steiner, diretor executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), durante lançamento do relatório “A crise dos crimes ambientais" elaborado pela Interpol e pelo PNUMA, noticiado na matéria “Crimes ambientais financiam terrorismo e conflitos, afirmam PNUMA e Interpol”, publicada em 25 de junho de 2014 pelo Envolverde

Exemplos citados no relatório:

O tráfico de carvão gera entre US$ 38 milhões e US$ 56 milhões ao ano aos islamitas shebab somalis, ligados à Al-Qaeda, segundo o relatório.

Já o comércio de marfim é a principal fonte de renda do Exército de Resistência do Senhor (LRA), a rebelião de Uganda que se espalha o terror no Sudão, República Centro Africana e República Democrática do Congo (RDC). Também praticado por outros grupos armados e milícias que operam na República Centro Africana, RDC e Sudão.

- Leia a matéria completa do Envolverde
- Conheça o relatório do PNUMA/Interpol (em inglês)

Nenhum comentário: